Onomatopeia – O que é essa Figura de Linguagem? Significado e Exemplos

onomatopeia-lista-exemplos-em-frase-dicas-e-gramatica

Se você não sabe o que é onomatopeia, saiba que ela esteve presente em sua vida em vários momentos. Entenda o que é essa figura de linguagem e veja exemplos fáceis logo abaixo.

O que é onomatopeia – Significado

Classificada dentro da ‘figuras de palavras’, a expressão tem origem na língua grega, vem da palavra onomatopiía, que significa a ação de imitar uma palavra. A onomatopeia é a forma escrita que imita sons ou ruídos produzidos pelas atividades ou ambientes no qual os personagens se encontram.

Em geral, são muito utilizadas em quadrinhos e poemas, surgiu por volta do começo do século XX, quando as histórias em quadrinho e o cinema precisavam de algo para expressar melhor e de forma mais clara os sons, facilitando assim, o entendimento do público e do leitor.

Os barulhos de socos, risadas, rumores de animais, tosses, água, tiros, roncos, coisas quebrando, e etc,

Exemplos de onomatopeia

Já passava da hora de dormir

Tictac, tictac

O relógio a tinir

Pode-se perceber que o poema explicita o barulhinho que o relógio faz com a expressão “tictac”. Ao imitar o som que o relógio faz, cria-se a onomatopeia.

“Ele veio correndo e TIBUMMM na piscina”. (Barulho que representa o de alguém ou algo caindo na água.)

Imagine a seguinte cena:

Uma rua de cidade de interior, cheia de crianças. A vizinhança era repleta delas, brincavam e corriam por toda a extensão da quadra, gritando, pulando:

– PÁ PÁPÁ! TE MATEI!

             – CORRE, CORRE! POW POWPOWPOW

As crianças brincam de atirar umas nas outras com arminhas feitas por elas mesmas, de pedaços de paus encontrados pelos terrenos baldios da vizinhança

TÁ TÁTÁTÁTÁTÁ

– HOOO NÃO, NÃO POSSO MORRER!

PÁ. Morreu

 

Percebe-se que nessa cena das crianças brincando, a onomatopeia se faz constante quando elas imitam o barulho de armas e tiros. Na escrita, existem várias formas de se descrever e escrever barulhos de socos, tiros, tombos na água, enfim, mas todos em seus devidos contextos são compreensíveis.

 

– Vinícius pegou o pedaço de pau e POW na cabeça de Kiko. (entendemos que um dos meninos bateu com o pedaço de pau na cabeça do outro)

“Eu não, cof, cof, cof. Desculpem-me. Continuando, eu não….”. (podemos perceber a pessoa tossiu durante sua fala.)

– “Auauau, fazia o cachorro ao ver gente estranha”.(“au-au”faz alusão ao latido, ao barulho que o cachorro faz.)

– “Cocorocóóóó, cantava o galo toda manhã”.(o que representa o barulho que o galo faz pela manhã)

– “Shiiiu! A professora pedia pelo silencio da turma”.(Onomatopeia que indica um pedido de silêncio.)

– “toctoctoc, tem alguém em casa?”.(Batidas de alguém na porta.)

-“Ding Dom.” Faz a campainha.(escrita que representa a campainha tocando.)

-“Buzzzzzzz” fazem as abelhas. (grafia que representa o barulinho que as abelhas fazem ao voar.)

– “A bibliotecária carregava muitos livros de uma única vez, e eu sei que em quantidade são pesados. De repente o silêncio foi quebrado por um: PAFT! Aquela pilha de livros foi ao chão.”.

 

Conversa para você entender a onomatopeia

– Hey! Adivinha?

– Hã?

– Tô grávida!

– Aaaaah! Parabéns!

As onomatopeias são as palavras “hã?” que emite um som de dúvida e questionamento do que foi dito anteriormente e o “Aaaaah!” que expressa um grito de surpresa boa, alegria, empolgação com a notícia dada.

– Veja só o tamanho desse diamante!

– Uauuuu! É lindo!

Nesse diálogo, a expressão “Uauuuu” indica admiração, surpresa.

Psiu! Hey, garçon, PSIU, aqui!!! (psiu pode ser usado para chamar alguma pessoa, mas também pode ser usado para pedir por silêncio.)

– AI AAAAAI! Está doendo!(“AI” se refere a dor, nesse caso, em outros, pode indicar ironia, mas dependerá de seu contexto.)

– “Todos os dias acordo com um miauuuu bem alto nos meus ouvidos”. (indica o miado do gato)

– “beep, o celular já começou a apitar, hora de levantar”. (beep indica o toque do aparelho eletrônico)

– “Gosto de vinil pelo ssshhh que faz antes de cada música”. (o shhh se refere ao chiado que faz no vinil enquanto toca na vitrola)

– “CRACK! Pisei em alguma coisa”. (crack se refere ao barulho de um objeto ser quebrado)

– “Brrrr, que frio que faz essa noite”. (brrr se refere à sensação de frio)

– “Clap! Clap! Clap! Seu discurso foi ótimo, está de parabéns”. (clap! Clap! se refere ao barulho de aplausos)

– “BUÁ BUÁ, fazia a menina toda vez que sua mãe saia para ir ao trabalho”. (buá indica barulho de choro)

– “ARGH, odeio o gosto de cebolas azedas, credo, argh!”. (argh faz referencia a sensação de nojo)

– “Todas as manhãs a sinfonia é a mesma: ATCHIM, ATCHIM, ATCHIM!”. (atchim se refere ao barulho de espirro)

– “PA! Todos se assustaram com a batida da porta!”. (faz referencia a alguma coisa, no caso a porta, batendo.)

-“Eu tinha uma porquinha que fazia oinc oinc o dia todo”. (oinc, oinc indica o barulho que o porco faz.)

– “As vacas estão irritadas, estão fazendo MUUUUUU, MUUUUUUUUU  desde hoje de manhã”. (Muuuuu é o barulho que a vaca faz)

Imagem:blogclosetmagico.com