Eufemismo – O que é essa Figura de Linguagem? Significado e Exemplos

eufemismo-frases-exemplos-dicas-figura-de-linguagem-dicas-e-explicacoes

Eufemismo pode parecer uma palavra estanha, mas ela possui um destaque importante na língua portuguesa. Conheça essa figura de linguagem e veja exemplos fáceis a seguir.

O que é Eufemismo – Significado

A palavra eufemismo vem do grego euphémein, que significa “pronunciar palavras agradáveis”. Certas palavras, quando empregadas em determinados contextos, são consideradas desagradáveis ou muito pesadas. Por isso, apresentam uma ideia muito negativa ou por chocarem quem está ouvindo.

Fazer referência à morte, por exemplo, apresenta sempre certa dificuldade. Por isso, muitas pessoas substituem a palavra morte por outras mais suaves, menos secas, ou que dão a impressão de minimizar sua intensidade, embora dêem a mesma informação, causam menos impacto e demonstram solidariedade com o sofrimento do outro. Veja as inúmeras formas que podem ser usadas para atenuar o sentido do verbo morrer:

“Ele acabou não resistindo, se foi essa tarde.”

“Ele descansou”.

“Ele entregou a alma a Deus”.

“Ele chegou ao fim de sua jornada”.

“Ele fez uma longa viagem só ida”.

Essas formas mais suaves e delicadas utilizadas para transmitir ideias desagradáveis ou chocantes são chamadas de eufemismos.

Exemplos de Eufemismo na Poesia

“Todos nós um dia teremos um endereço, fixo de onde jamais sairemos.

Um lugar calmo, ermo.

Você se foi para a eternidade

Acompanhamos-te até a sua nova morada

Dei-me conta que em um futuro, seremos vizinhos

Em conversas eternas de túmulo em túmulo no silêncio dessa calmaria”.

O trecho faz alusão à morte de alguém. De maneira que as palavras sugerem isso. “em um futuro, seremos vizinhos”, “Você se foi para a eternidade”, “lugar calmo, ermo”, “em túmulo no silêncio dessa calmaria”.

Está claro que o autor fala da morte de alguém, de um amigo, provavelmente, procura suavizar, tornar menos chocante e dolorosa a ideia de morte, usando “Acompanhamos-te até a sua nova morada”, substituindo uma possível frase como “enterramos-te em seu túmulo”.

 

Outros exemplos de eufemismo:

“Ele tem a inteligência bastante limitada”. Essa frase poderia ser dita: “Ele é burro”. Mas soa aos ouvidos muito grosseiro, logo, a expressão “inteligência bastante limitada”, deixa a colocação menos desrespeitosa.

“Eu peguei sem permissão a caneta da minha chefe”. Nessa frase, poderia ser: “Eu roubei a caneta da minha chefe”, mas como roubar indica algo moralmente errado, para amenizar o infortúnio, utilizou o termos “peguei sem permissão”.

“Ele está omitindo a verdade”. Para não chamar a pessoa de mentirosa, usa-se palavras que substitua de maneira mais agradável aos ouvidos alheios a palavra de significado pesado, por também ser um ato de acusação, chamar o outro de “mentiroso”.

“Ela ficou rica por meios ilícitos”. Para não acusar a pessoa de ladra, usa-se, o termo “por meios ilícitos”, que nada mais é do que “conseguir dinheiro de maneira ilegal, desonesta.”

“Eu não me dei bem nas provas”. Expressão usada para dizer foi mal nos exames, que reprovará.

“Eu estava dirigindo quando de repente veio em minha direção um veículo de duas rodas motorizado, encostou no carro, deixando um rastro por toda sua extensão lateral”. “O motoqueiro veio na minha direção e passou arranhando toda a lateral do carro”.

“Hoje é dia de beber água que passarinho não bebe.” Significa que é dia de beber, seja cachaça ou qualquer bebida alcoólica.

Entenda o que é Eufemismo com as frases abaixo

“Ele é representante comercial de uma grande empresa de São Paulo”. (“representante comercial indica que ele é vendedor contratado para mercantilizar produtos de uma determinada empresa.)

“Minha funcionária não pôde vir dois dias essa semana”. (a palavra “funcionária” nessa frase é um eufemismo para “Minha empregada doméstica”)

“Ele estava muito acima do peso correto para sua estatura”. (eufemismo para dizer que a pessoa está muito gorda)

“Ela não conseguiu o que queria, mas mesmo assim não pendurou as chuteiras”. (Mesmo não tendo conseguido o que queria, “ela não pendurou as chuteiras”, ou seja, ela não desistiu.)

“A singularidade da sua beleza não se adequa aos padrões exigidos por nossa empresa”. (O candidato à vaga de emprego não foi contrato por sua aparência ser considerada inadequada para o trabalho, representado pela “singularidade da sua beleza”).

“Este estabelecimento não está preparado para atender a diversidade sociocultural desse grupo (jovens negros), por isso gentilmente indicamos outros restaurantes”.  (O restaurante temendo a acusação de preconceito pede para que eles se retirem ao afirmar não tem condições de atender a diversidade cultural).

“Seu computador sofreu uma pequena intervenção, logo ficará alguns dias de férias” (O computador que sofreu uma leve intervenção, significa que a máquina quebrou e ficará uns dias sem uso  representado pelos dias de férias).

“A orbita craniana do meu colega foi impactada por um livro que estava em minhas mãos” (A orbita craniana impactada pelo livro foi usada para dizer que alguém foi agredido com uma pancada na cabeça).

“Dividi alguns instantes de amizade com a amiga da minha esposa” (Ao invés de dizer que havia traído sua esposa, o marido usa a firmação de que “dividiu instantes de amizade” com a amiga da esposa).

“Transferi os investimentos deixados por nossos avós para minha conta” (A palavra transferência foi usada para substituir a palavra roubo).

“Meus filhos brincam de forma enérgica com seus colegas” (brincar de forma enérgica faz uma referência velada a agressividade dos filhos com seus colegas).

– “Esses trabalhos escolares foram bem complicados da gente fazer”. (poderia ser dito: “foi muito difícil fazer esses trabalhos escolares”, mas utiliza-se outro termo também para destacar que conseguiram realizar a atividade)

Mais algumas…

“Kant é um autor prolixo e complexo”. (essa frase indica que o autor é difícil de ser entendido, que os estudantes possuem dificuldades em realizar a leitura de seus livros)

“Eles se encontram na melhor idade”. (“melhor idade” é eufemismo para terceira idade, ou seja, idosos.)

– “A tia da lanchonete na me vende afiado”. (“tia” é eufemismo para chamar, nesse caso, a moça que não se sabe o nome.)

“Ele gosta de conversar bastante.” (ele é falador, usa-se a anterior pois esta frase poderia soar como uma crítica ou desrespeitosa)

“Ela só fica em casa, não saí com os amigos e nem participa de eventos sociais. (eufemismo para uma pessoa antissocial, caso fosse chamado diretamente por esse adjetivo, poderia ser uma ofensa.)

Imagem- literatura.uol.com.br